Silêncio

7 dez

O não saber de nada. O olhar e não ver nada.
O silêncio da espera. O silêncio de não poder fazer nada.

Silêncio da Alma. Silêncio do lírico.
Silêncio do eu. Silêncio do ser.

A hora que o coração sente que pára, que algo dentro deixa de ferver.
A hora que os tantos pensamentos se homogeneízam e formam o silêncio.

Os ouvidos não ouvem mais nada, a mente capta tudo e transforma em silêncio.
As pequenas angústias são tantas que no final formam uma só e no silêncio simplesmente  não se apresentam, fazendo-se pensar que não são absolutamente nada.

As palavras fazem-se em silêncio embora o Mundo não se cale.
Na verdade, o tempo encontra-se hipnotizado, mesmo que as horas e os dias passem.

A poeira baixa.
A pausa não acaba, mas no coração há algo que incomoda o silêncio.

Há o desejo que a fé não se faça inativa.
Que Ele seja a causa e a razão de tudo. Que Ele seja a força e a sustentação do ser.

Domínio próprio…

Desligou-se.

Anúncios

Canção do vento e da minha vida

22 out

Como minha semana será praticamente baseada em Manuel Bandeira, nada melhor do que a escolha de hoje ser um poema lindo dele para acalentar a noite.

“Canção do vento e da minha vida

O vento varria as folhas,
O vento varria os frutos,
O vento varria as flores…
      E a minha vida ficava
      Cada vez mais cheia
      De frutos, de flores, de folhas.

O vento varria as luzes,
O vento varria as músicas,
O vento varria os aromas…
      E a minha vida ficava
      Cada vez mais cheia
      De aromas, de estrelas, de cânticos.

O vento varria os sonhos
O vento varria as amizades…
O vento varria as mulheres.
      E a minha vida ficava
      Cada vez mais cheia
      De afetos e de mulheres.

O vento varria os meses
O vento varria os teus sorrisos…
O vento varria tudo!
      E a minha vida ficava
      Cada vez mais cheia
      De tudo.”

Que o vento varra essa semana logo!
Boa noite!

Vídeo 25 set

E meu único desejo, neste momento, é que a noite de hoje seja melhor que a de ontem.

Imagem

Ele é o amor!

28 ago

Ele é o amor!

Não há nada melhor do que viver a liberdade do lindo amor de Deus. Um amor extremamente imensurável, indefinível e incomparável. Acima do entendimento humano mas no nível de nossa percepção através do Espírito Santo.
Não há nada que eu faça, nada que eu diga, nada que eu dê que me faça merecer ou ter como agradecer tão grande, lindo e perfeito amor.

Ele é o amor e é através Dele e por causa Dele que podemos amar!

”Não há nada como o Teu amor… Teu amor aquece o meu coração e me faz sentir o quão amado sou. Tua voz me chama, e eu quero ir mais perto do Teu trono, Senhor.”

Desabafo

23 jul

Como as coisas estão se desentendendo aqui dentro.

Tá tudo em conflito e quando isso acontece eu volto pro meu berço, de onde eu saí, pra minha família. Com eles eu me sinto segura, amparada. Sei que todos aqueles que estão ao meu redor me amam, cada um com seu jeito e da sua forma, mas há algo entre nós que é mais forte que o sangue que nos une, algo que foi plantado quando a Vovó e o Vovô se conheceram e que foi cultivado entre todos desde sempre e para sempre. O amor que Deus colocou pra conviver com a gente, o amor que temos uns pelos outros e que pra mim é um presente que Deus me deu. O mesmo amor que por um tempo ficou adormecido dentro de alguns, mas que nunca deixou de estar lá e que hoje é o que faz diferença na minha vida e acredito que na vida todos, afinal quando alguma coisa acontece corremos pro nosso ninho (Vovó e Vovô) para nos proteger e fortalecer.

Eu adoro ter tias que parecem mãe, mãe que parece tia, vô que é o pai de todos, vó que é a mãe de todos, primos que são mais que irmãos e às vezes, irmãos que parecem primos.
No nosso jeito louco de conviver a gente se entende, se respeita e se ama.

Quando tudo acontece é pro seu colinho que eu corro, meu príncipe. Pois só você tem o amor mais verdadeiro e mais puro que eu possa encontrar. Só você pode limpar e juntar as pecinhas do meu coração que pessoas fazem o favor de machucar. Eu só consigo me sentir melhor perto de você, meu goidinho. O que eu faria sem toda essa sua fofura? Sem sua inteligência e sapequice? Com o que eu me alegraria e sentiria o sentimento inexplicável que eu tenho por você? Sim, o que sinto quando estou perto de você é inexplicável! Algo que eu imagino sentir igual apenas quando tiver meus filhos. E sim, eu te trato como eu, se fosse mãe, trataria os meus filhos. E prometo te dar todo o meu amor e todo o meu carinho sempre!

Você não tem noção do mix de sentimentos que tenho quando brinco com você de ‘’1,2,3 e já’’ e você se joga na cama dando aquela risada maravilhosa que invade o quarto. De quando você vai tomar banho no quintal e mete a cabeça debaixo do chuveiro, coloca a língua pra fora e depois sai correndo todo molhado, gordo e pelado, pra se esconder de mim. Essa é uma das cenas mais lindas que eu já vivi na vida!

Eu amo escolher a roupa que você vai vestir, eu amo escolher o seu sapato, eu amo te dar de comer, eu amo te dar banho (e me divirto muito com isso), eu amo brincar com você e amo a carinha que você faz quando leva um carão. Amo ouvir o som indefinível que você faz, amo te ver correr, assistir televisão, amo te ver dormindo sereno e tranquilo e odeio te ver ruim, de mau humor (puxou a prima aqui) e com dor. Se eu pudesse passava toda sua dorzinha pra mim, só pra te ver sadio e feliz como você é. Eu não consigo definir o aperto que me dá no coração quando você está assim, meu bebê.

Em pensar que quando olho pra você, lembro-me de tudo o que você passou quando nem estava nesse mundo. Mas acima de tudo vejo o quanto Deus opera em sua vida e na da sua Mamãe, pois o tanto que desejaram de mal pra vocês, o Papai do céu multiplicou por um milhão e você nasceu assim, com essa vida toda e esse amor todo ao seu redor. Imagine o quanto sua mãe deve ser orgulhosa de você, em príncipe?

Eu agradeço a Deus por ter escolhido essa família pra mim e por ter colocado você, meu pequeno, em nossas vidas. O tão esperado Augusto, nome de nosso bisavô.

Sei que mesmo que pensem ou achem que eu e Juli fomos um erro na vida, nós não temos culpa e eu sei que eu não sou um acidente. Eu nasci porque era a vontade de Deus nessa vida, nessa família e naquela barriga.

”Segurou vou em Tuas mãos / Sei que tudo isso passará /
Em Tua graça eu vou / Tens esperança em mim / Quem me sustenta é Tua palavra / Vou”

Palavrantiga – Seguro Vou

Pronto, contei!

Surpresa vinda de Deus

27 jun

” – Deus te abençoe! – me estendendo a mão.

– Amém! – pegando na mão dele.

– É evangélica?

– Sou.

– Eu sabia! Você é diferente, tem uma luz em volta de você. Você é iluminada.

– Obrigada! – com um pé no céu e o outro na terra. Sorrindo sem nem perceber.

– É de que igreja?

– Da Videira.

– Deus pede pra eu te dizer agora que você prossiga, pois as bênçãos que Ele preparou pra tua vida estão chegando.
Você deixou a carne falar mais alto, mas Ele já perdoou o seu pecado. Porque você não vigiou, filha?

– Eu não sei…

– Tem namorado?

– Não.

– Tá ficando com alguém?

– Não.

– Ficou com alguém no passado?

– Sim, mas já faz muito tempo!

– Tem quantos anos? É mais nova que minha filha?

– Tenho 17.

– É muito novinha! Bem mais que minha filha. Ela já tem 21!

Sorri com uma delicadeza enorme.

Não se preocupe que tuas bênçãos estão chegando, e Deus vai colocar em sua vida um rapaz que te respeite e te valorize.
Vocês serão muito felizes e Ele diz que vai te dar gêmeos.

Anestesiada e com um mix de sentimentos, olhei para o céu. No meu rosto só havia lugar para os sorrisos e de meu coração vinha um grito de gratidão.
– Obrigada!

– Agora deixa eu ir! – pegando em minha mão –
Ainda tenho que voltar isso tudo pra poder ir pra casa.
Dá aqui um abraço! ”

Essa foi a conversa que tive hoje com um homem cujo não sei nem o nome, mas que sabia muito mais da minha vida do que eu mesma. Um anjo enviado por Deus para trazer respostas que eu tanto esperava e precisava ouvir.
Com certeza ele mudou minha vida, e muito mais o Papai ali que o enviou. Só poderia ser algo vindo Dele mesmo. Serei grata para sempre!

No final, abraçou-me. Fui chata, deveria tê-lo abraçado com o mesmo carinho que ele teve comigo.
O agradeci novamente e ambos partimos cada um para seu lado…

Não consigo definir em palavras o que vivi naquele momento, mas posso interpretá-lo perfeitamente de novo. Aquela sensação ficou gravada em mim.

E que seja dia!

11 jun

Hoje acordei bem. Leve, liberta, salva, com aquela vontade de viver. De bem comigo e com o mundo. Estou cada vez mais aprendendo a viver nele e amando isso tudo.
Como é bom me sentir assim!

Com é bom respirar sem peso nas costas e mil pensamentos na cabeça…

“Meu coração dispara todas as vezes que eu me vejo frente ao que pode ser meu futuro. Um sonho. Uma alegria. Uma ansiedade. Um medo. Quando resta apenas orar para que aconteça, eu fecho os olhos e me vejo la. Essa é a maior força que eu consigo criar para que possa acontecer.”